Sexta-feira, 18 de Fevereiro de 2011

SABIAS QUE...

 

Há uma linha que separa

   

  a sorte

__________________________________

 

   do azarito

 

 

 

        os bons pensamentos  

_________________________________________

  

    dos maus pensamentos

 

 

  

 o seco

______________________________________ 

 

           do molhado       

           

                         

 

            as nuvens negras 

_______________________________________

                              

        das branquinhas

 

 

 

      o sexto sentido

___________________________________________

 

        do sentido furado 

 

 

 

...por essas linhas e por outras, cheguei à conclusão que:

 

o chapéu de chuva é um acessório fundamental 

(mas...é como o narciso, nunca está quando é preciso)  

GRRRRRRRRR... 

Será que só acontece comigo

  

 

Não sejas pessimista, sabias que existe uma linha que...

 

Nahhh....ou páras com isso ou essa linha vai direitinha ao teu pescoço!!...Uiiii...ca peste!!

 

BOM FIM DE SEMANA A TODOS

(Se saírem, não esquecer o...pois tu..sabes!!) 

 

tags:

publicado por nuvemdoce às 14:51
link do post | comentar | favorito
|
27 comentários:
De Gonçalo Cardoso a 18 de Fevereiro de 2011 às 17:43
Conheço bem essa linha. Há dias atrás não dava conta da entrada do parque para um centro comercial novo para mim e estacionei o carro fora do mesmo. Quando quis sair apanhei uma chuva que me lembrei da linha entre a sensatez e a parvoíce :P

Beijinhos e um fim-de-semana quentinho :)


De nuvemdoce a 18 de Fevereiro de 2011 às 19:12
LOLL...e aquela linha que separa os dias em que levamos chapéu para enfeitar a indumentária e NÃO chove, dos dias que chove e não levamos o malfadado porque NÃO condizia com nada, ...aiiii..ca nervos!!...dá-me assim uma neura, que passa logo a seguir, quando o pequeno almoço se faz à estrada, um pãozinho aquecido com queijo e um abatanado faxavôriii...

ehehhe...Beijokas

p.s. essa do centro comercial foi mesmo de tótó...ahahhaha....estou a gozarrrrr ...tb já me aconteceu...JURO!!...quer dizer...OK!!...acontece a todos, está melhor assim?...



De Gonçalo Cardoso a 19 de Fevereiro de 2011 às 00:21
Por vezes sou mesmo totó com dois C grandes :P

beijinhos***


De nuvemdoce a 19 de Fevereiro de 2011 às 11:08
Não és nada!!...esses nem sequer sabem estacionar...e depois mais grave ainda, nem sequer podem apanhar chuva, senão é uma jardineira de feijoada...(isso existe??...)..LOLL..

Beijinhos ***

p.s. explica lá os *(asteriscos), anda lá partilha coisinhas comigo...


De Gonçalo Cardoso a 19 de Fevereiro de 2011 às 21:55
Os asteriscos são os meus beijinhos, neste caso três. O que gostarias de saber mais de mim?

:)

***

:P


De nuvemdoce a 20 de Fevereiro de 2011 às 13:54
Gonçalo, quando disse para partilhares coisinhas comigo, estava a referir-me a estes símbolos que usam na blogosfera, nos sms (emotions), são tantos que perco o fio à meada, gosto de perceber o que recebo, para poder retribuir. Não quero mandar ninguém à fava por completa ignorância...loll..

Mas já que te mostras disponível, pergunto: Qual o maior defeito que encontras em ti??

Beijinhos ****

p.s. :) este calculo que seja um sorriso certo??...o outro :P aguardo tradução.


De Gonçalo Cardoso a 20 de Fevereiro de 2011 às 14:58
:P significa língua de fora e uso-o quando me estou a meter com alguém ou a usar um tom bem disposto.

Maior defeito?

Impulsividade comunicacional, mas não sou dos piores e já estou bem melhor. Digo eu :)

Beijinhos***


De nuvemdoce a 20 de Fevereiro de 2011 às 15:53
Gonçalo, a tal Flecha certeira, agora percebo!!...:)

Quero dizer-te que aqui neste canto, as flechas são lançadas apenas para bem dispor, não precisas ter um cuidado desmedido, conter as palavras, ou sentir necessidade de parar, podes dizer aquilo em que pensas. Acredito que, através do diálogo impulsivo ou não, conseguimos algum equilibrio, ouvindo e deixando falar, como tu bem sabes e defendes. Por isso, sempre que puder ajudar com palavras, a contornar esse teu defeito, vou fazer com prazer, penso que a auto-estima é fundamental e as boas energias fazem bem!!..

Beijokas ***


De sentaqui a 18 de Fevereiro de 2011 às 19:27
A continuar assim acho que vou ter mesmo de ir para a chuva, sem o chapelinho, já que a água faltou por aqui...mas pronto há sempre aquela linha entre a sorte e o azar e eu com um pouco de sorte passo a perna à linha do azar.
Para ti um óptimo fim de semana, bem molhadinho, de preferência com alguma bebida espirituosa.

Beijinhos


De nuvemdoce a 18 de Fevereiro de 2011 às 19:43
Sentaqui, eu conheço essa linha perfeitamente, mas normalmente passo sempre por cima, sempre gostei de saltar à corda desde pequenina, é claro que hoje já não tenho a mesma agilidade de miúda, mas..não me posso queixar, inclusive acreditas que por baixo ainda passo melhor??...eu sei que é díficil de acreditar, mas a música mexe muito comigo e atrás dela...consigo o impossível.

...é aquela linha que separa o possível do impossível, lixada mesmo, mas...com água do luso, o corpinho dá logo ao manifesto!!...Queres uma garrafinha??
...espirituosa não sei se é, mas dá para lavar a pestana....quem é amiga...quem é??...

Beijokas
Bom fim de semana


De Aquariana a 18 de Fevereiro de 2011 às 20:36
Xiiii.... que saudades que me deu agora de saltar à corda!
Que nostalgia me bateu agora! Saudades de saltar à corda, ao elástico, de jogar ao mata... do jogar ao "verdade ou consequência"... aiii (a idade não perdoa!)


De nuvemdoce a 19 de Fevereiro de 2011 às 11:21
A nostalgia passa rápido, quando as recordações são boas, fica apenas aquela saudade gostosa.
Lembro-me também de brincar aos Reis e às Rainhas, era demais essa inocência nas brincadeiras, apesar de termos em mente algo mais, quando o coração já pulava por algum menino, o entusiasmo ficava por ali mesmo, hoje não existe mais isso, os avanços são na hora.
Adorava jogar ao "STOP" uma mistura de escondidas com apanhada. Nossa que tempos bons!!..

A idade não tem a ver, é mesmo a vida que levamos que não oferece muitas brincadeiras, ou então somos nós que não criamos essa oportunidade. Porque as mesmas, podem fazer-se sempre em família e com amigos, basta existir vontade para tal.
Olha por exemplo, na minha família, sempre que nos juntamos em festa, brincamos ao "gesto é tudo"...é de partir de riso, as figuras que cada um faz. Mas é muito saudável e dispõe bem!!..

Bêjos


De Dragão Azul a 18 de Fevereiro de 2011 às 19:40
...curioso a mim acontece-me o mesmo...

O Blog ta fechado pra obras ( que já duram á muito tempo) mas podes encotrar o Dragão aqui:
http://www.facebook.com/home.php?sk=lf#!/profile.php?id=1453247317

Bjos


De nuvemdoce a 18 de Fevereiro de 2011 às 19:52
Uffa..fico muito mais tranquila, pensava eu que era uma azarada daquelas de se lhe tirar o chapéu...LOLL...

Ah...OBRAS..certo!!...há uma linha que separa os blogs do facebook, e nesse último espaço entro muito pouco, mas vou tentar, nem que seja para te dar um alô de vez em quando!!...

Jura que deitas fogo azul??...ahahhha...

Beijokas e Bom fim de semana


De paulofski a 18 de Fevereiro de 2011 às 21:45
Olá. O cafezinho está sempe quentinho paa quem me visita. E na linha do tema, nem a propósito ontem apanhei uma molha e das grossas. Costuma-se dizer que quem anda à chuva molha-se, portantos...

Bom fim-de-semana


De nuvemdoce a 19 de Fevereiro de 2011 às 11:43
Olá Paulofski,

Já sei onde ir todas as manhãs. Conta comigo perto das 11h e pouco, bebo sempre um cafézinho a meio da manhã.
E na sequência da mesma linha, aquela que nos surpreende vezes sem conta e nos deixa praticamente em estado líquido, essa do quem anda á chuva molha-se é mais noutras linhas, mas também é verdade que na falta do tal acessório, ela molha mesmo!!...

BFS...(que promete muita chuva)


De retrato a 18 de Fevereiro de 2011 às 22:27
uiii... essas linhas separam tantas coisas, olha...

o siso
_____________________________________

da boca


desde que falamos, são decorridos poucos dias, já é a segunda molha que levas.
com tanta gente a lutar para o Guinness, será que ainda não inventaram um chapéu de chuva de porta-chaves?
sempre andava junto ás chaves de casa, ou também te esqueces delas?

por outro lado, deixa-me dizer-te...
todas as manhãs, quando me levanto, a primeira coisa que faço é ir à janela falar com as nuvens.

bejoka


De nuvemdoce a 19 de Fevereiro de 2011 às 12:00
Tu não me fales do siso Retrato, que me recordas cenas dolorosas, faz pouco tempo lá se foi o segundo, o que vale é que sou afortunada e ainda me restam dois, quer dizer, penso eu, ou então o juízo já não regula bem!!

Pois é, que te posso dizer, sou uma calimero sem casca de ovo na cabeça, porque quando saio de casa pela manhã, olho para as nuvens e elas acenam felizes e contentes, sem qualquer índice pesaroso. A meio do trajecto parece que fazem de propósito só para me irritar, são umas invejosas do pior, começam a torcer o nariz, espremem-se umas contra as outras e lá vem pingalhada da grossa. O chapéu, esse ficou a enfeitar o bengaleiro...Grrrrrrr...

É a tal linha que separa ...

"mais vale prevenir do que remediar"
____________________________________
"mulher desprevenida pinga pinga pinga "

Mas olha que essa ideia do porta chaves interessou-me, ainda por cima agora a moda são grandes sacolas...Uhhmm...acho que vamos ter sucesso, queres vender a patente...??..LOLLL..

Bejoka


De sérgio figueiredo a 19 de Fevereiro de 2011 às 16:21
apesar de ansioso, a venda eleva-me o efeito surpresa.
sinto a sua essência, o seu calor, a inclinarem-se sobre mim, e sinto os seus lábios, sedutoramente, a segredarem-me, quase penetrando o meu ouvido...
1...
não começes já a contar.
quase sem acabar de o dizer, confronto-me com um arrepio. sinto as suas mãos, bem suaves, a abrirem o 2º botão da minha camisa e muito lentamente, o 3º ... o último.
e agora, queres tirar a venda?
no outro ouvido...
2...
despio-me a camisa.
não, não quero. deixa-me ver se a surpresa aumenta a minha ansiedade.
tá, então vou pôr uma musiquinha no leitor de CD´s. não faças isso, deixa que os vidros da janela continuem a cantar com os pingos da chuva, intensa.
aproxima-se, e de frente comigo, pôe as suas mãos nos meus ombros e uma das suas pernas, eleva-a e ajoelha-a, em cima das minhas pernas.
não...não, não digas já o 3...
levo as minhas mãos aos seus braços, ainda, esticados até aos meus ombros e, surpresa...
estás com a minha camisa vestida?
notei pelos punhos, cheirei e constatei a mistura das fragâncias...
estou, estou a sentir o calor do teu corpo. não queres?

(bom, tenho de ir à rua... agora sou eu que te pergunto: continuas por mim??)... ahahhaha....

bejoka


De nuvemdoce a 20 de Fevereiro de 2011 às 14:55
vestir a camisa?..não, prefiro imaginá-la em ti, tocar teu corpo através dela, sentir que tens algo meu que te aquece, te envolve e te pertence.
Com um leve suspiro, leva a mão à sua boca, quase impedindo-o de respirar, os lábios palpitam e queimam de desejo, um pequeno sopro: estou tentada a terminar a contagem.
As chamas da lareira estalam, cores quentes aveludadas enchem o quarto, uma mistura de pensamentos, uma sequência de movimentos, um estalido.
O que foi, estás bem?...
Passou-lhe a mão na perna, shiuuuu...foi apenas uma garrafa que abri, champanhe, quero matar a tua sede. Pensaste em tudo, as suas mãos suavam, o coração quase saía do peito, qualquer toque naquele momento iria despoletar mil sensações.
Estremeceu quando sentiu o copo encostado ao peito, molhou os lábios. Era doce, tão doce quanto ela.
É bom?...queres mais?...ou avançamos para a numerologia?...sempre gostei de números ímpares..LOL...

Ahahhha...cheira-me a ...(OMG)...acho que queimei o refogado, ...bolas, ....continuas por mim??...

Beijokas


De sérgio figueiredo a 20 de Fevereiro de 2011 às 19:04
não, não...
bolas, será que não vês porque insisto no "não digas o 3"? não repitas o número, ele é o código para eu tirar a venda.
afinal, a surpresa é para mim, ou para estar "acesa" para todos quantos vêm a este cantinho?
eu perco a tua surpresa e tu perdes as minhas, puxaaa...
estamos em publico, e eu gosto de partilhar o champanhe, acompanhado sim...mas sem outros olhares.
estamos num blogue... doce champanhe, desculpa... queria dizer docenuvem, mau... imaginas como estou? agora sim... nuvemdoce!!!

bejokas


De retrato a 24 de Fevereiro de 2011 às 16:13
neste caso, detesto qualquer numero, seja par ou ímpar. prefiro resistir, vendado, e saborear aquela perna onde, desajeitado, ele tinha entornado a taça de champanhe. que tal se essa meia fosse tirada, posta a secar enquanto, com a suavidade das mãos dele, também a perna dela seria seca?
num movimento de vaivém e sentindo a sua pele numa, sedutora, erupção de arrepio, ela inclinava-se e encostava o seu peito, coberto, á cabeça dele, acariciando-lhe, com as suas mãos, os seus cabelos. ele, desajeitado, timido, arriscou, para além das mãos, usar seus lábios e língua para secar, o quanto pudesse, a perna dela.
neste gesto, ele sentia as mãos dela a apertarem-lhe a cabeça, não dolorosamente, denunciando uma reação que lhe...

bateram-me à porta. queres continuar?

bejoka


De Teté a 19 de Fevereiro de 2011 às 17:51
Detesto guarda-chuvas: nunca estão quando são necessários e se deixam de o ser esqueço-me deles em todo o lado... :)

Dei uma vista de olhos no teu blog e gostei do que li! Agora a ver vamos se consigo comentar, que sempre que o faço no Sapo nunca sei se saem... (nabice pura, eu sei)

Bom fim de semana!


De nuvemdoce a 20 de Fevereiro de 2011 às 15:18
Olá Tété, bem vinda!!

Os guarda-chuvas deveriam ser como os guarda-costas, não descolar nunca, proteger e dar o corpo por nós. Mas infelizmente existe aquela linha que separa um bom profissional, de um inconveniente chapelito, que só atrapalha e fica esquecido em qualquer lugar. Então...o episódio repete-se por muitos e muitos anos....e não foram felizes para sempre!!...LOLL..

Quanto aos comentários, tens apenas que seguir alguns critérios, coisa pouca:

1. Mencionar teu email
2. A tua palavra passe
3. Ir buscar os óculos
4. Tentar decifrar aquelas letras engalfonhadas umas nas outras.
5. Escrever essas mesmas letras no quadradinho branco
6. Aguardar um pouco...e VOILÁ!!...

Se mesmo assim não correr bem, avisa-me!! algo grave se passa....e terei que chamar o Sherlock para desvendar o mistério.

Beijokas e bom domingo

p.s. Diz qq coisa, gostaria de ter aceso de novo ao teu blog.


De Eli a 20 de Fevereiro de 2011 às 16:53
Olá!

Pior pior é ter ficado com o guarda-chuva partido num segundo.

Era uma manhã de Inverno, fui buscar o dito cujo à malado carro e, mal o abri, partiu-se logo todinho! Fiquei mesmo triste. Tinha sido oferecido por uma amiga e tinha aquele significado.

Ainda continuaram as peripécias! Enfim, não, não és só tu!

:)


De nuvemdoce a 20 de Fevereiro de 2011 às 18:55
Olá Eli, que bom vê-la por aqui. Bem vinda.

Pois é, quando o objecto tem um significado especial, dá pena sim, mas também dá vontade de bater com ele no passeio por ser tão frágil, é que hoje em dia não tem chapéu que resista a uma valente chuvada, vem um pouco de vento junto e já era. E olha que não tem só a ver com o factor preço/qualidade, porque já tentei várias soluções e todas vão na onda da tempestade.

Imagino as peripécias, comigo acontecem a toda a hora...mas é bom, para contar depois...

Beijokas



De Eli a 23 de Fevereiro de 2011 às 22:46
Agradeço que tenha respondido ao meu comentário.

:)


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Quantas vezes

Já me perguntaram

Quantas vezes

Já me indagaram

Quem é você…

Como você é…

De onde vem

Pra onde vai…

Quantas perguntas

Quantos julgamentos

Quantos enganos

Quantos…

Tudo é tão simples

Sou assim…

Nasci e cresci

Num lar com muito amor

Com muito calor…

Sou amor, sou paixão…

Sou amiga, sou mulher…

Sou esposa, sou mãe.

Sou carinho, sou ternura…

Sou encanto, sou magia…

Sou o que sempre fui

Seja aqui seja lá

Seja onde for…

Você saberá onde me achar

Você saberá

Quando eu chegar.

Será emoção

Será ternura

Será magia

Será encanto.

Quem sabe…

Um dia você…

Descubra quem sou…

De onde vim

Pra onde vou…

Entre linhas

Entre versos

Entre um antes

Entre um depois…

.arquivos

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Fevereiro 2010

.posts recentes

. PESSOAS - LIVROS

. O CALADO FICOU A VER ESTR...

. É SÓ UMA SEMANINHA...

. ANALISANDO... a coisa mai...

. AI...QUEMEDOITUDO...

. MALVADAS CRIATURAS

. RUBRICA # 0.2

. ESTÁ CALOR, ESTÁ TÁ...

. LOURENZO ACODE-ME...

. RUBRICA# 0.1

.Quem está aí?

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Muito proveitoso, adoramos!obrigado por compartilh...
Parabéns pelo post, equipe brigadeiro porto alegre...
excelente post!
Sempre coerente Teté. Bjs

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds